Paróquia Bom Jesus

Palavrinha do Pároco!

 

Quinto Domingo do Tempo da Quaresma

 

Meus Queridos filhos e filhas espirituais da Paróquia Bom Jesus.  

 

 

Na sexta-feira última tivemos a Graça de rezar em sintonia com o Papa Francisco em transmissão ao vivo do Vaticano pelo fim da crise mundial provocada pelo Covid-19. Até parece que os céus choravam em Roma. O Papa orou diante do ícone de Nossa Senhora e do Crucifixo que foi levado da Igreja de San Marcelo al Corso para o Vaticano. Eu mesmo rezei diante deste histórico Crucifixo em Roma em 15 de Agosto de 2018.

 

Conta-nos a História que em 1522 uma terrível pandemia atingiu Roma, os frades Servos de Maria decidiram levar o Crucifixo em Procissão Penitencial da Igreja de São Marcelo para a Basílica de São Pedro e a peste negra cessou por completo.

 

O Papa Francisco deu a benção Urbi et Orbi e nos exortou: “É tempo de reajustar a ordem da Vida”. Esta palavra ORDEM faz parte de nossa Bandeira Nacional. As palavras “Ordem e Progresso” foram inspiradas no lema do Positivismo do filósofo August Comte: “O Amor por princípio, a Ordem por base e o Progresso por fim.” Alguns dizem que foi o general e Presidente da França, Charles de Gaulle, outros dizem que foi o jornalista e escritor pernambucano Nelson Rodriguês, e há os que acusam o atleta do futebol Pelé quem profanou o verniz da imagem de nossa Nação ao proclamar: “O Brasil não é um País sério.”

 

Vivendo este período de isolamento social por causa do perigo do indecente do Coronavírus, assisto muitas matérias jornalísticas na TV e em vídeos de WhatsApp de gente politizando a crise, e pasmem, uma multidão falando mal de si mesma, enaltecendo a desobediência do brasileiro e a dificuldade de adaptação a pequenas regras como lavar as mãos como princípio básico contra a Pandemia.

 

Vou te confessar: Nunca lavei as mãos com tanta frequência e disciplina. Vou seguir a exortação do Papa: Reajustar a ordem da vida! Nunca senti tanta falta de um abraço como agora! Eram bons tempos!!! Mas hoje quero escrever um pouquinho sobre a nossa Nação.

 

Vamos rever nossos conceitos com relação ao nosso Brasil. De três ou quatro numa sala, sempre um se posta na janela levado a ver o mal entre os espinhos e os incêndios na colina. Este olhar solitário procura ver a presença do mal no Mundo e em nós mesmos. Mas, como em toda boa Teologia, o percurso pelo mal serve, antes de tudo, ao esclarecimento da visão da beleza e do bem que se esconde entre as trevas da realidade.

 

Nestes tempos de prisão voluntária, eu olho o céu e há uma pipa. No fim da linha deve haver uma criança! Eu não vejo a criança, por causa das minhas muralhas. Resgatemos em nós a sensibilidade.

 

Você sabe que as grandes potências como os EUA, a Rússia e a China sensibilizam o povo pelo Patriotismo. Nos filmes americanos um dos grandes ícones é John Wayne e no nosso Brasil, o Mazzaropi. Admiro Mazzaropi. Tem um Museu do Mazzaropi em Taubaté.

 

Mas, gente iluminada, precisamos aprimorar nossas palavras sobre o nosso País. O Brasil, nos últimos tempos, é responsável pelo maior exemplo mundial no combate à AIDS e outras doenças sexualmente transmissíveis. O Brasil é o único País do Hemisfério Sul participando do Projeto Genoma. Em 31 de Maio celebramos o Dia contra o Tabagismo. Nos últimos anos tornamo-nos uma população mais saudável proibindo o cigarro em lugares públicos. Na Europa, num bar, se você pede uma mesa de não-fumante, o garçom tem acesso de riso. Eles fumam até nos elevadores.

 

Somos um povo sensível a necessidade alheia!

 

Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, o Rio de Janeiro foi eleito a mais solidária e tem gente falando que carioca gosta só de praia, Carnaval e Funk. Mesmo sendo um País em Desenvolvimento, somos membro do G20, nossos internautas representam uma fatia de 40% do Mercado na América Latina. Estamos conectados com o Mundo. Das crianças e adolescentes entre 7 e 14 anos, 97,3% estão estudando. Mesmo em escolas de paredes de lata ou com telhado de folhas secas de coqueiro, nossa meninada tem prazer nos estudos. O Mercado de celulares no Brasil é o segundo do Mundo com 650 mil novas habilitações a cada mês e já sabemos que existem mais linhas telefônicas do que gente no nosso País.

 

Pasmem: O Brasil é o primeiro maior mercado de jatos e helicópteros executivos do Planeta. O nosso Mercado Editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano. Somos um País de leitores. Nosso Brasil tem o mais moderno sistema bancário e as melhores agências de publicidade da Terra.

Nosso Brasil é a Nação mais empreendedora com mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, que dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários, haja vista a quantidade de voluntários na Paróquia Bom Jesus.

 

Pasmem: Somos a terceira maior Democracia do Planeta em tempos nos quais o exercício da consciência política tem se convertido em amplo leque de demonstração de patriotismo, com panelaço, buzinaço e troca de farpas nas redes sociais, e mesmo assim, somos um povo extraordinário, de uma hospitalidade exemplar, de uma solidariedade excepcional, que se esforça para falar o idioma do turista e que acolhe centenas de milhares de imigrantes que consideram nossa Nação a Terra das Oportunidades!

 

Nosso Brasil é abençoado!

 

Bendito povo que possui a essência da superação, povo de tantos sotaques e histórias. No Brasil contabilizamos mais de dois milhões de caminhoneiros cruzando as fronteiras dos Estados, transportando de ostras a cotonetes, de soja a carnes para exportação, de aço a cosméticos.

 

E a religiosidade deste povo? Meu Jesus! Temos o Santuário Nacional de Aparecida, e a Igreja do Pai Eterno, temos São Frei Galvão e Santa Dulce do Brasil, temos Padre Cícero no Juazeiro do Norte e padre Donizete em Tambaú. Em nossa Diocese de Santo Amaro temos mais de uma centena de Paróquias e mais de duzentos sacerdotes, inclusive com padres da nossa Igreja particular trabalhando em outros Estados do nosso País, como também nos EUA, Itália, França e Portugal.

 

O indecente do Coronavírus faz de nosso Brasil hoje um País pacote: ele está bem amarrado e tudo o mais, amarrado fortemente, os nós às vezes doem.

 

Mas logo seremos livres de novo!

 

Livres e saudáveis!

 

E para terminar por hoje, preciso falar de VOCÊ porque esquecer de alguém é como esquecer de apagar a lâmpada no quintal e deixá-la acesa de dia, mas isto também é lembrar, pela luz!

 

Três oráculos deste pobre padre caipira:

 

A) - Se você é uma pessoa talentosa não significa que ganhou do Universo algo para usufruto. Significa que você tem algo a contribuir para a Humanidade. Não seja solitário. Seja solidário!

 

B) - Tudo o que te irrita nos outros pode te levar a uma compreensão melhor de você mesmo. Paciência! Seja portador de ternura.

 

C) - Conhecer a sua própria escuridão é o melhor método de lidar com as trevas das outras pessoas. Seja Luz!

 

E a Palavra de Deus para estes dias até o nosso próximo esbarrão virtual é:

 

Livro do Profeta Zacarias, Capítulo 3, versículo 7.

 

E não termina por aqui.

 

Tem Evangelho de Jesus segundo João, Capítulo 3, versículo 21.

 

 

Com minhas Preces e Benção

Padre Cláudio Dias.