Paróquia Bom Jesus

Palavrinha do Pároco!

4ºDomingo da Quaresma de 2020

 

 

Meus Queridos filhos e filhas espirituais da Paróquia Bom Jesus, Dioceses da Itália confirmaram o falecimento de 28 padres diagnosticados com a Covid-19, doença provocada pelo novo Coronavírus. A maioria destes sacerdotes atuava na Região Norte da Itália.

 

Tenho aqui em mãos um Estudo sério denunciando que o pico deste vírus indecente será de 06 a 20 de Abril, o que prevê comprovadamente que a maioria das pessoas se contaminarão nesta semana e para que este pico seja mais brando, precisamos aumentar o isolamento social.

 

Em tempos de Pandemia o Isolamento é obrigatório e as informações são imprescindíveis.

 

Nada de aglomeração, meu povo.

 

Ficar em casa, mas, pelo Amor de Deus, nada de pijama ou camisola o dia inteiro, nada de baldes de pipoca doce e litros de refrigerantes.

 

Temos “sangue real” correndo em nossas artérias espirituais.

 

Não tenhamos Medo. Um dos sentimentos que mais gera prejuízo em nossa jornada na Terra é o medo potencializado. Muitas vezes apenas a ameaça do perigo já é suficiente para paralisar a pessoa. Por isto, é fundamental viver pela Fé que nos leva a agir com ousadia que bloqueia o medo em nossas vidas.

 

Estamos em tempos de isolamento social, mas também em tempos do reconhecimento destes super-heróis guardiões da Humanidade que nunca receberam gestos concretos da nossa gratidão: Quantos bombeiros, policiais, seguranças, agentes das Forças Armadas, Super-homens, quantos agentes de saúde, médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, motoristas de ambulância, psicólogos, com suas máscaras sobre o rosto, verdadeiros heróis em uniformes brancos. Quantos religiosos, bispos, padres, freiras, capelães de Hospitais, consagrados, Mutantes neste tempo de Mutação biológica, horas a fio em oração, ministrando Unção dos Enfermos, expostos em Unidades de Terapia Intensiva hospitalares, intercedendo a Deus pelos doentes.

 

 

Como vamos vencer esta Epidemia?

 

 

 

1°) Buscar estratégia. “És um martelo, uma arma de guerra. Por teu intermédio esmago Nações e aniquilo Reinos. (Livro de Jeremias 51,20).” Somos uma Marreta a serviço de Deus.

 

2°) Cuidar dos feridos de guerra. Vamos nos empenhar com mais afinco, ternura e paciência em cuidar dos nossos idosos e de todas as pessoas de grupo de risco.

 

3°) Manter as tropas unidas. Precisamos de guerreiros capazes de “levar desaforo para casa”. Vamos ter perdas, gente muito querida vitimadas pela Pandemia, mas veja, quanto mais disciplina, menos perdas.

 

4°) Evitar campos minados. Não podemos em hipótese alguma pecar por omissão e colaborar com o avanço do reino deste indecente Coronavírus. Lavar as mãos sempre. Comida saudável, Cuidar da saúde. Pensamento positivo.

 

5°) Jamais subestimar o inimigo. Não se engane com as aparências. O vírus pode aparentar derrota para camufladamente dizimar uma Nação inteira.

 

6°) Comunicação e Suprimento. Não corte a linha de comunicação com a Igreja. Reze, leia a Bíblia, fortaleça a Fé, encoraje os irmãos via WhatsApp e outros meios de comunicação. Domínio exige paciência! Vamos marchar em torno das muralhas deste Jericó chamado Coronavírus até completar o tempo de Deus. Nada de murmuração, reclamação, desmotivação.

 

7°) Assim como Josué proibiu a reconstrução de Jericó, que seja proibida uma segunda Pandemia semelhante à atual. Logo, todos nós, heróis guardiões neste episódio histórico possamos dizer: Vencemos o Coronavírus, mas a nossa Vitória se deve primeiro a Deus que nos deu a têmpera do martelo e segundo porque no decorrer da batalha, lutamos juntos.

 

Palavra de Deus para hoje:

Livro de Daniel Capítulo 12, versículo 3

 

 

Com minhas Preces e minha Benção

Padre Cláudio Dias.