Paróquia Bom Jesus

Palavra  do Padre!

Dia Mundial do Café

 

Eu adoro café!

 

Tomo puro, sem açúcar, sem adoçante, sem mel. Não existe hora própria para café. Toda hora é hora.

 

Café com bolo de fubá. Café com pão de queijo. Café com biscoito de polvilho. Café com broa de milho.

 

14 de Abril é o Dia Mundial do Café, segunda bebida mais consumida no Mundo, perdendo somente para a água.

 

Vamos aqui imaginar: Você caminha da cozinha para a sala de sua casa com uma xícara de café.

 

E de repente no portal, por acidente ou distração, alguém esbarra contigo forçando-o a derramar o café. Eu te pergunto: Por que derramou o café? Você pode responder que foi porque alguém te esbarrou e imediatamente reajo a sua resposta dizendo que NÃO. Se tivesse chá na xícara, teria derramado chá. O que tiver na xícara é o que se derrama.

 

Portanto, quando a Vida sacode suas estruturas, o que você tem é exatamente o que será derramado.

 

Você pode desfrutar da Vida fingindo que a sua xícara está cheia de virtudes, mas quando as intempéries causarem um esbarrão mesmo que acidental, o que for derramado será tudo o que existe.

 

A Verdade será proclamada sobre os telhados.

 

Então, olha dentro da xícara. O que há? Alegria? Paz? Solidariedade? Amor? Amargura, Ira? Ressentimento? Desordem emocional?

 

Nestes tempos de Coronavírus, isolamento social, silêncio imposto pelas circunstâncias, incertezas com relação ao amanhã, enche sua xícara com nobres sentimentos.

 

Toma consciência: A Vida sacode. Desestabiliza. Às vezes sacode forte. Sacode mais vezes do que podemos imaginar. Mas, desespera, não. Nestes tantos outros oito meses de 2020 segue seu destino, rega seus canteiros, ama suas rosas. O resto nada mais é do que sombra de árvores alheias.

 

Café rima com Fé! Permanece Firme na Fé.

 

 

Com minhas Preces e Benção

Padre Cláudio Dias.